PUBLICIDADES

PUBLICIDADES

Rio Madeira está com nível abaixo do normal, alerta CPRM

Rio Madeira está com nível abaixo do normal, alerta CPRMRio Madeira está com nível abaixo do normal, alerta CPRM

O período de estiagem dos rios da Bacia do Madeira deve se caracterizar por níveis abaixo da média neste ano. Esta é uma das projeções apresentada pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) nesta quinta-feira (25).
Segundo o engenheiro hidrólogo da CPRM Marcus Suassuna, o Rio Madeira está começando o período de vazante de 2020 com níveis abaixo do normal. Em Porto Velho, o nível atual está próximo da zona de atenção para mínimas. A cota atual de 6,5 metros é quase três metros abaixo da mediana. De acordo com a série histórica, em 90% dos anos, os níveis nesta data foram maiores que o nível que está sendo observado hoje. Segundo os dados do MERGE/INPE, o trimestre de março, abril e maio acumulou déficit negativo de chuvas de 11% abaixo da média na bacia do Rio Madeira, ou seja, chuvas significativamente menores que as esperadas para os três meses.
“Esta condição, somada à análise dos modelos hidrológicos da região, permite projetar o período de pico da vazante em Porto Velho entre 24 de agosto e 26 de outubro, centrado no dia 25 de setembro. Além disso, o prognóstico indica que o Rio Madeira vai chegar ao final da vazante com cotas a serem registradas numa faixa de níveis bastante baixos”, explicou Marcus.

Outro prognóstico apresentado é relacionado ao período em que o Rio Madeira pode começar a ter restrições à navegação. A partir do nível de quatro metros, a Delegacia Fluvial de Porto Velho passa a adotar restrições e isso deverá ocorrer ainda na segunda quinzena de julho persistindo até o período de pico da vazante em finais de setembro. A projeção é que ao final da vazante, o Rio Madeira na capital de Rondônia regrida seus níveis até uma faixa entre 1,63 metros e 2,80 metros.
Os dados hidrológicos utilizados são provenientes da Rede Hidrometeorológica Nacional de responsabilidade da Agência Nacional de Águas (ANA), operada pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) e demais parceiros.

Rio Madeira está com nível abaixo do normal, alerta CPRM
da Assessoria
Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.